A Associação Portuguesa de Historiadores da Arte (APHA) foi fundada em 1989, com o intuito de promover a preparação científica dos seus associados e a sensibilização da população para os valores culturais e artísticos do nosso património. A vontade de afirmar a História da Arte como ramo do saber mobilizou, então, um conjunto de professores universitários, representativos das diferentes escolas do país.

Actualmente, a APHA conta com cerca de 700 associados inscritos, entre estudantes dos três ciclos de ensino, investigadores em início de carreira, reconhecidos académicos e profissionais de diferentes áreas da cultura.

Na continuidade do trabalho desenvolvido, a APHA pretende agora consolidar a sua presença junto de associações similares, em Portugal e no estrangeiro, e impor-se como agente de diálogo construtivo perante as autoridades e instituições com responsabilidades no domínio da História da Arte.

Para fomentar a prática e a visibilidade da disciplina, a APHA disponibiliza hoje aos seus associados diversas ferramentas, como a base de dados sobre projectos e investigações em História da Arte Portuguesa, um conjunto de recursos electrónicos e informações regulares sobre oportunidades e iniciativas, nacionais e estrangeiras, no âmbito da História da Arte.